Unitec oferece o curso ‘Gastronomia à Base de Peixes’

Tradição religiosa: consumo de peixes aumenta na Quaresma

Estamos na Quaresma, período de preparação à Páscoa na tradição cristã e em que o costume de comer peixe está ligado a uma forma de praticar o jejum e a abstinência, típicos da celebração. Ou seja, seu consumo é cultural.

Especialmente na Semana Santa, o peixe faz parte de pratos típicos, o que explica o aumento considerável de seu consumo no período. Em alguns países, como a China, são consumidos em torno de 40 quilos de peixe por ano por pessoa, enquanto no Brasil consome-se apenas em torno de dez quilos por pessoa anualmente. Já o consumo gaúcho está abaixo dos cinco quilos. A média mundial é de aproximadamente 20 quilos de peixe por pessoa por ano.

O zootecnista Miguel Stahl, associado da Unitec, confirma que o consumo de peixe aumenta demasiadamente neste período em função das pessoas seguirem uma tradição religiosa. “O consumo regular de peixes, seja de água doce ou salgada, resulta em grandes benefícios à saúde. Estudos dão conta de que a carne vermelha é importante na reparação e construção de órgãos e tecidos do corpo, mas com a desvantagem de possuir gorduras saturadas ruins para nossa saúde em geral. Já o peixe tem a mesma função, mas com a vantagem de possuir gorduras insaturadas e solúveis, fluindo no sistema venoso rapidamente”, diz.

Ele cita ainda outros benefícios do consumo da carne de peixe, como a prevenção de doenças cardíacas, a contribuição no controle do colesterol, sendo fonte de proteínas, vitaminas, minerais e ômega 3, que auxilia na manutenção de níveis adequados de triglicerídeos, memória, imunidade, digestão e osteoporose.

Miguel é produtor de alevinos/juvenis e engorda de peixes e possui um restaurante com pratos à base de peixes na propriedade, além de ser instrutor de cursos na área. “Tenho notado um consumo crescente de peixes, pois as pessoas procuram o restaurante seguidamente para incluir esta carne como opção saudável. É totalmente possível inclui peixes no dia a dia com opções saudáveis, harmonizando com legumes, tubérculos e verduras em geral, além da opção tradicional nas formas frito, assado e grelhado”, ressalta.

Unitec oferece curso de gastronomia à base de peixes

O curso ‘Gastronomia à Base de Peixes’, ministrado por Stahl, tem como objetivo incentivar as pessoas a consumirem mais peixes. No formato à distância, tem duração de quatro horas, com conteúdo expositivo por meio de vídeos e com certificado.

“Em uma primeira abordagem do curso, desenvolvo uma teoria sobre todos os aspectos relacionados às boas práticas no manuseio de peixes, importância do pescado, consumo per capita, abate correto e formas de conservação”, explica.

A segunda abordagem contempla a prática de abate, com várias opções de cortes conforme a espécie, sistemas de embalagens e conservação correta, e a terceira abordagem é a prática na cozinha, em que é ensinando como fazer várias receitas práticas e saborosas.

“Mais de duas mil pessoas já fizeram o curso. E enxergo nos alunos uma expectativa muito grande em relação a tudo que vai ser ensinado. Quando inicio a prática de abate, vejo a importância em ensinar algo novo e inovador e aí começam os comentários: ‘o que aprendi hoje já valeu o curso’, isto porque ensino a fazer o aproveitamento integral do peixe”, relembra Stahl.

O curso está disponível no site da Unitec, no endereço www.unitec-tm.com.br/como-fazemos/gastronomia-a-base-de-peixe. E o profissional reforça a importância e o aproveitamento desta capacitação. “Façam o curso, pois a cozinha de vocês nunca mais será a mesma. Irão aprender fazer pratos fáceis, rápidos e deliciosos, além de cuidados no manuseio de peixes, manutenção do frescor e ainda vários cortes que ensino com a presença mínima de espinhas.”

Receita de filé grelhado

Miguel fornece a receita de um de seus pratos à base de peixes: o filé grelhado. Confira:

Ingredientes

500 gramas de files médios de tilápias

2 dentes de alho

Raspas de limão Taiti (somente a parte verde)

Sal a gosto

Azeite de oliva ou manteiga

Rodelas de cebola e pimentões a gosto

Modo de preparo

Tempere os filés com alho sal raspas de limão e borrife vinagre branco sobre eles. Aqueça a frigideira antiaderente untando com óleo comum ou banha e coloque os filés dispostos. Deixe dourar de um lado e com auxílio de espátula de silicone vire delicadamente. Quando estiverem quase dourados, coloque sobre eles azeite de oliva ou manteiga e deixe um espaço para refogar a cebola e o pimentão e os coloque sobre os filés. O acompanhamento pode ser purê de batata ou arroz branco e salada. Bom apetite!