Procurador que agrediu a chefe é preso em São Paulo

REGISTRO – SP

Demétrius Oliveira Macedo, procurador da cidade de Registro, interior de São Paulo, foi preso preventivamente na manhã desta quinta-feira na capital paulista.

A informação foi divulgada pelo governador do estado, Rodrigo Garcia (PSDB). No início da semana, Macedo foi gravado agredindo a procuradora-geral do município, Gabriela Samadello Monteiro de Barros, durante o expediente.

O agressor já havia sido levado para a delegacia, mas foi liberado pelo delegado, que constatou que “não havia uma situação de flagrante”.

A prefeitura de Registro determinou a suspensão preventiva de Macedo por 30 dias, sem receber salário.

Ontem familiares haviam procurado clínicas para internar o causídico com histórico recente de más relações com colegas de serviço.

Compartilhe: