Setrem é homenageada em Sessão Especial na Câmara de Vereadores de Três de Maio

Centenário da instituição, celebrado neste ano, motivou o evento que reuniu vereadores, autoridades, representantes de empresas e entidades locais, diretoria da mantenedora, direção, colaboradores, alunos, pais de alunos e comunidade

Ao longo de sua história, a Sociedade Educacional Três de Maio – Setrem sempre buscou atuar frente às solicitações e anseios da comunidade, alavancando o desenvolvimento local e regional, atuando desde a Educação Infantil até a pós-graduação, promovendo sabedoria alicerçada em valores cristãos.

Reconhecendo a importância do trabalho prestado, a Câmara de Vereadores de Três de Maio realizou uma Sessão Especial em homenagem ao centenário da instituição na segunda-feira, 23 de maio.

De proposição do vereador Paulo Fábio Pereira, a sessão reuniu todos os vereadores, autoridades, representantes de empresas e entidades locais, diretoria da mantenedora, direção, colaboradores, alunos, pais de alunos e comunidade.

Paulo justificou a homenagem reiterando o acontecimento grandioso que a Setrem comemora neste ano – um século de história. “Educação de qualidade, antes de formar trabalhadores, contribui para formação de cidadãos, com princípios e valores solidários e colaborativos, comprometidos com o bem-estar de todos. E a Setrem tem como missão promover sabedoria alicerçada em valores cristãos, e a partir destes valores chega a seu centenário com expectativa de um futuro ainda mais promissor.”

O vereador é egresso e colaborador da Setrem. “Faço parte desta casa há 20 anos, contando o tempo de graduação. Me orgulha fazer parte desta história, pois a instituição tem compromisso e responsabilidade com quem não tem condições de arcar com sua formação, ou seja, é uma instituição comunitária sem fins lucrativos, sólida e comprometida com o desenvolvimento local e regional, referência quando se trata de educação. Devo muito à Setrem por estar aqui hoje.”

O presidente da mesa diretora, vereador João Mella Neto, destacou que todos três-maienses têm orgulho da Setrem e da história construída nestes cem anos. “O centenário desta instituição está enraizado em princípios. Três filhos meus estudaram na Setrem, instituição que os acolheu desde pequenos até o Ensino Médio, quando foram em busca dos objetivos e sonhos.”

Em seu discurso, o presidente da Mantenedora da Setrem, Nelson Moura de Oliveira ressaltou que “todos nós temos um pedacinho de Setrem.” Egresso, ex-colaborador e integrante da mantenedora há 15 anos, Oliveira disse que a homenagem dos vereadores é um coroamento a todos que fazem parte da família Setrem.

“O ano de 2022 é um marco histórico para nós. A instituição, primeira escola de Três de Maio, tem sua trajetória e história construída junto com a história do município.” Atualmente, a Setrem conta com 279 colaboradores, 1.950 alunos e a associação mantenedora tem 43 sócios não remunerados.

‘Nossa história foi complexa pelas limitações impostas, mas gratificante pelas alternativas encontradas para cada desafio’

Esta afirmação do diretor-geral da Setrem, Sandro Ergang, resume a trajetória centenária da instituição. Segundo ele, a resiliência e o comprometimento com a sociedade no que diz respeito à educação continua sendo a grande marca institucional.

Ele agradeceu ao vereador Paulo pela proposição da homenagem, bem como aos vereadores pela aprovação. “Por ser uma instituição comunitária, a Setrem tem inserção regional, atuando em 42 municípios da região. Somos uma instituição da comunidade, criada pela comunidade e que só existe para a comunidade. A Setrem nasceu do anseio da comunidade por educação formal no município. E, nesta caminhada, é importante relembrar e agradecer o trabalho incansável de todos que fizeram parte desta longeva história, como fundadores, presidentes, diretorias e colaboradores”, acrescentou.

Ergang revelou que, da receita da instituição de 2021, mais de R$ 5 milhões foram distribuídos em bolsas sociais para os estudantes. “Se levarmos em conta os últimos quatro anos, estamos falando de R$ 20 milhões em benefícios, bolsas gratuitas ou descontos. Isto é ser instituição comunitária, que trabalha em prol da sua comunidade.”

Ele também pontuou seu orgulho por estar à frente da Setrem no ano do seu centenário e disse que o reconhecimento recebido pelos edis, especialmente nas palavras do vereador Paulo, representa muito para a instituição. “É importante fortalecer e enfatizar que esta história se perpetue em outros lugares, com outras pessoas. Temos nesta Casa Legislativa egressos, com muitas histórias de vida, cada uma com uma lembrança, e todas elas fazem referência ao crescimento pessoal e profissional e o quanto a Setrem pôde contribuir, o que nos orgulha e nos dá o indicativo que estamos cumprindo com nosso papel e missão, que além de humana é divina pela condição que temos de trabalhar com educação”, destacou Ergang, que é diretor-geral da Setrem há quase seis anos.

Para o futuro, afirmou que continuarão atentos às dificuldades dos cenários econômico e político. “O alvorecer do ano do centenário da Setrem já promete um ano de grandes conquistas e também de muita acuidade e perspicácia nos desafios que apontam no horizonte. Que o bondoso Deus nos traga força e energia suficientes para conduzirmos com competência cada um dos níveis de ensino que nos propusemos a atender com qualidade e excelência, e construirmos uma instituição cada vez mais forte, consolidada e comprometida com os anseios e desenvolvimento da nossa comunidade.”

Finalizando os discursos, o prefeito três-maiense, Marcos Corso, afirmou que tem orgulho e carinho pela Setrem. “Estudei nesta instituição, onde tive excelentes professores, que deram educação e conhecimento. Também foi onde tive a oportunidade de desenvolver habilidades e me tornar quem sou hoje, e isso reconheço à Setrem. Por isso, falar da Setrem é muito fácil, pois é uma entidade centenária que passou por tantos movimentos contrários e continuou se desenvolvendo e realizando sua missão. Minha homenagem é reconhecendo o trabalho prestado. Contem sempre com o Poder Executivo! Desejo à instituição mais cem anos, impactando e transformando vidas.”

Ao final da sessão, o presidente da Mantenedora da Setrem e o diretor-geral da instituição receberam uma placa das mãos do vereador João Mella Neto.

Compartilhe: