Horizontina Futsal perde a semifinal para Cerro Largo na Taça Farroupilha

Depois de ter sido superado na partida de ida em Cerro Largo, o jogo de volta a noite passada em Horizontina exigia do Horizontina Futsal superação. Precisava vencer em tempo normal e ao menos empatar a prorrogação para levar a decisão de vaga na final para as penalidades.

Mas a noite reservava inspiração ao goleiro adversário Jacki que a exemplo do primeiro confronto foi fundamental às pretensões do técnico Adão Ricardo Vila Nova, também no segundo jogo.

O Horizontina Futsal fez o que tinha de ser feito, atacar e correr riscos. Assim acabou sendo derrotado por 3 a 2, com gols de Catatau e Tevez, de pênalti.

O grande público e a festa da Torcida 10, foram pontos positivos da noite, e que devem servir de estímulo aos dirigentes na continuidade do trabalho, agora para a Liga Estadual.

Arbitragem do jogo foi de Maicon da Silva Padilha e Rafael Scolari Navalhos, com Micheli Alessandra Dalbão e Angélica Martins Flores na mesa de anotações e cronometragem. Delegado de arbitragem Lourival Miguel Cestari.